Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nervoso Miudinho

blog humorístico (esperemos) sobre tudo e mais frequentemente sobre nada

13
Set17

Nada temam, eu respondo a esta

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

_20170913_155353.JPG

 

Resposta curta: não.

Resposta longa: não, cruz em credo, valha-me nossa senhora da cera depilatória, nem pensar em tal atrocidade.

 

O que está a fazer aquele finalmente entre parêntesis? Há um grupo de apoio à monocelha que eu não conhecia? Quem é que faz isto por vontade própria a si mesmo? A não ser para aparecer numa capa, não estou a ver motivo a não ser masoquismo. Nova moda, linha do biquíni selvagem, pelinhos a espreitar na praia. Buço à senhora transmontana. Pêlos do nariz a chegar ao lábio. 

Quatro em cada cinco esteticista vomitaram um bocadinho.

 

Estamos na silly season ainda? A sério que está tudo inventado e estamos com pouca criatividade e estamos a repescar o look Frida Khalo?

Follow
11
Set17

Panquecas no Porto

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Sou uma apaixonada por panquecas. Finalmente a tendência chegou à restauração. Desde que estamos juntos, e já lá vai meia dúzia de anos que fazemos brunchs caseiros com panquecas. Sabe-me tão bem fazer como comer fora. Somos uns foodies, estamos sempre em cima do acontecimento de novos locais onde apreciar boa comida. Querem provar panquecas? Ficam aqui três locais aprovados por nós. 

 

O diplomata 

Já lá fomos algumas vezes, é cool, é pequeno, pena ser barulhento. Mas as panquecas são óptimas e completamente personalizadas. Sem glúten, e outros tipo de massa, fruta, molhos, gelados, o céu é o limite. Na rua José falcão. 

 

Bop café

Espaço super cool, ouvem uns vinis enquanto comem. Podem até ouvir sozinhos um vinil à vossa escolha no gira discos à entrada. Massa leve e fofa, gigantes e mais tradicionais, podendo ser mais calóricas conforme a gula. Na rua Firmeza.

IMG_0607.JPG

 Zenith

A decoração é linda e após anos parece que alguém nos ouviu, há mimosa no brunch. Logo agora que não posso beber. também merece um lugar na vossa lista. Na praça Carlos Alberto. 

IMG_0606.JPG

 

 

Follow
11
Set17

Qual é a vossa fantasia?

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Além de ficar rica, digo mesmo no quarto. Eu começo as hostilidades para não se acanharem. A minha fantasia é algo antiga e agora é mais importante do que nunca. Já estive perto, mas já não me lembro bem. Bom, a minha fantasia no quarto é: dormir 8 horas seguidas.

Follow
10
Set17

Memória descritiva

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Nota-se muito que é primeiro filho? Que estamos estupidamente orgulhosos e apaixonados por este miúdo? Lamento a repetição de assunto, mas é o possível de momento. Bom, é o bebé sorrisos, arreganha as gengivas para toda a gente, mesmo que não conheça. Mas basta ver-nos ao longe, de outro colo que se vê perfeitamente quando nos reconhece e ri antes de lhe falarmos. Se estiver noutro colo e me meter com ele abana-se todo e ri. Gosta muito de "coboiada", mal o colocamos no trocador que quer brincadeira, mexe tanto que tenho medo que se magoe, bate na superfície e às vezes na própria barriga. Amo que quando lhe vou dar beijinhos no pescoço ou perto abra a boquinha e se ria muito. Gosta de agarrar no biberão, até tenta meter mãos e tetina na boca. 11 semanas e 61 cm, a continuar assim vai ficar da altura da mãe num instante. A minha expressão favorita é a espreguiçar-se depois de mamar, com o cuzinho todo arrebitado, não estão a ver a cena, super mega delicioso. A beber o biberão fica muito sério e olha-me de lado, mesmo de lado, porque vira muito bem a cabeça, já há imenso tempo, quando dorme no colo vai alternando a cabeça. Dizia eu, olha de lado, franze a testa, e passado uns segundos ri-se ainda de testa franzida, adoro. Continua a não gostar de estar sozinho, sempre gostou de companhia, se estiver ao nosso lado e não estiver ninguém a falar para ele chama a nossa atenção com os seus "eh". 

Follow
08
Set17

Memória descritiva

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Ontem foi um dia de consolidação. Já dá as mãozinhas no centro em frente à cara e fica a olhar para elas, a abanar e a mexer os dedinhos e a levar tudo à boca. No meu colo quando estava sentada, levantou a cabeça completamente e ficou a olhar para a minha cara e a rir, descobriu uma coisa nova, fez uma e outra vez, com cara de safado. Se colocar a minha mão em frente à cara dele, ensaia até me agarrar. Hoje ao vestir-se um casaco, vesti um braço e parei porque tinha uma linha solta, vi-o a concentrar-se e com o braço contrário foi agarrar o casaco. Tão filho de sua mãe, quase sempre que come pára para conversar comigo ou para se rir. 

Follow
08
Set17

4 visitas dos EUA ao blog

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

A pipoca foi conhecer a coleção Heidi Klum para o lidl a Nova York mas não dispensa a leitura aqui do estaminé.

Follow
08
Set17

Genius

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Genius é uma série que retrata a vida de Albert Einstein. É a epítome de um génio, não pensamos em génio sem pensar em Einstein e não pensamos em Einstein sem reconhecer o seu génio. Sou consumidora deste tipo de séries, e comecei logo a ver. Sabia alguns factos sobre a sua vida, alguns dos mitos já lhes conhecia a verdade, mas aprendi muito sobre o homem por destrás do génio da física. Foi uma profunda desilusão saber sobre a sua vida amorosa e primeiros passos na ciência e na publicação de artigos. Foi como um soco no estômago. Estou atrasadíssima na série, a última vez que vi estava grávida. Como tantos outros homens, ainda hoje, mas com uma maior expressão há uns anos, tomou todo o crédito por artigos co-escritos pela primeira esposa Mileva. Na minha opinião o pior que podia ter acontecido na vida de Mileva foi Einstein. Era melhor aluna que ele, e tinha aspirações próprias na ciência, e num feito raro, completamente apoiada por seu pai, que sabia o génio que tinha por filha. Engravidou ainda enquanto estudante, e para esconder a gravidez com Einstein fora do casamento, voltou para a sua terra natal. Casou. Nunca acabou o curso, continuando a fazer os artigos com Einstein e cuidando dos restantes filhos, nunca conseguiu libertar-se dos estigmas e grilhões que a sociedade da altura impunha. Grilhões estes convenientemente reforçados pela família do marido e pelo próprio marido, Einstein. Mileva tinha uma deformidade física e desenvolveu problemas mentais, teria uma propensão é certo, mas ilustraram bem os dilemas de uma mulher com tanto potencial que se confinou à vida doméstica.  Einstein deu a desculpa mais ridícula, não coloco o teu nome nos artigos, porque toda a gente sabe que também és responsável, não é preciso. A série faz o paralelo importantíssimo com o casal Curie, Pierre, um homem da ciência e correcto, íntegro não aceitou o nobel que lhe queriam dar individualmente porque a mulher tinha contribuído, até mais do que ele nas palavras próprias. Portanto era (e é) inteiramente possível ser cientista, pessoa íntegra, génio e marido. Marie Slodowska Curie é a única pessoa com dois prémios Nobel, em dois campos da ciência distintos. Imaginem o que perdemos da mente de Mileva. Não sei se foi por falta de tempo se foi a desilusão que me levaram a deixar a série em pausa. Ainda estou chateada pela perda de potencial de Mileva, sinto a dor como se fosse com alguém que me é próximo. Quantas Milevas houve/há por aí? Nunca mais olharei para Einstein da mesma forma, não é menos génio por isso, mas é uma bela porcaria duma pessoa. 

Follow
06
Set17

Parecido com quem?

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

A conversa preferida de toda a gente nos primeiros tempos. E a mais engraçada para quem ouve e reune os testemunhos todos. Toda a gente toma crédito pela aparência dele. Ele é o produto de quatro linhagens. Dependendo de com quem se fala, é claramente a cara desse lado da família. Família da minha mãe, é igualzinho à nossa família, parecido com o meu irmão, os meus olhos. Mãe dele, parecido com a sobrinha dele e claramente sai a esse lado. É por aí adiante. Toda a gente a sacar de fotos dos bebés da família para provar. Eu só me rio. É lindo e basta-me. Ultimamente dizem que é parecido com ele. Mas há sempre quem diga que é a minha cara. É indiscutível que tem a minha testa e o meu cabelo. O resto tem tempo é parecido com ele próprio e depois logo se vê. 

Follow
05
Set17

Mais uma consulta

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

O rapaz tem umas regueifas deliciosas mas não é um bebé gordo. É compostinho. Na palavra de vários enfermeiros, não esperem um bebé gordo, é demasiado despachado para isso. Mexe muito, muito atento, além de que eu era exactamente assim, miudinha e muito mexida e o pai é magro. Aliás várias pessoas achavam que tinha mais tempo pelo olho vivo. Já é a segunda médica que fica impressionada, com a interacção dele. Até estava em tummy time e a pedir para falarmos alternadamente para o ver a virar-se para a mãe e o pai. Ficou impressionada pelo nível de atenção às vozes e ao ambiente, a acção propositada, o riso com cócegas e em resposta à nossa voz. Gabou-nos o bebé lindo, com cara de rapaz. Também o achamos lindíssimo mas somos muito suspeitos. Se tivesse que fazer um top reacções das várias pessoas era: muito atento, olho muito aberto, muito lindo, muito risonho, muito caminho, com carinha de rapaz. Ver a dor das vacinas destruiu-me, nunca o tinha visto com dor. Nada que extra dose de mimo não o pusesse a rir passado 10 minutos. Ainda assim custou horrores. Vou estar uns dias abananada, podiam ser todas de toma oral. 

Follow
05
Set17

O meu filho é um gato

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

 

E não é porque é lindo. Há quinze dias que descobriu que pode lamber as mãos. Na verdade não é esquisito. Se eu deixar a mão à frente dele puxa-a para lamber também. Já se lhe tentar pôr a chupeta cospe-a e faz reflexo de vómito.

Follow

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Também estou no facebook

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

subscrever feeds

Comentários recentes

As imagens apresentadas no blog são na sua maioria retiradas da internet, se as fotos lhe pertencem e/ou têm direitos de cedência de imagem, por favor envie um email que eu retiro. nervosomiudinho@sapo.pt