Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nervoso Miudinho

blog humorístico (esperemos) sobre tudo e mais frequentemente sobre nada

28
Set18

Cadeira auto: o pesadelo

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

agora quero a britax romer dual fix m I size mas gostava que não me custasse um rim. 

Follow
28
Set18

...

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

8E927534-3735-4E50-B8AC-A61FE61504C3.jpeg

 

Follow
27
Set18

Parto, pós parto e estagiários

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

nunca vos contei dois pormenores sobre o meu parto , a minha transferência para o internamento e a estadia no hospital. Tive o meu parto numa instituição pública, como todos, o ensino é uma parte do quotidiano. Há sempre alunos em estágio com os profissionais de saúde. No meu parto estava a médica residente, um especialista e *5* médicos internos. Nada contra. Uma pequena multidão a olhar-me para o sítio que não vê o sol. Pontos internos dados pelo especialista, um mimo pouco comum. 

 

na transferência para o internamento vinha uma enfermeira estagiária que me marcou imediatamente pela negativa porque não soube responder à pergunta básica da razão pela qual os anestesistas questionam sobre próteses dentárias. Eu, acabada de ter um filho e levar pontos, respondi por ela. 

 

Ela entra no quarto com outra estagiária no dia a seguir. Cabelo solto, unhas pintadas e não rentes e com relógio. Torci o nariz. Antes de tecer um segundo pensamento, espirra para as mãos . ESPIRRA PARA AS MÃOS num quarto com um bebé de um dia. Espero dois segundos e digo: vá ali passar as mãos no anti séptico. A outra pergunta se pode pegar no bebé: 

“ não. Saiam as duas por favor.” 

Follow
26
Set18

15 meses

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

15 meses. 10 dentes. Mais um a caminho. 15 meses de amamentação em livre demanda. Anda muito bem, corre. Acorda muito bem disposto na esmagadora maioria dos dias, aliás é tão bem disposto que quando está birrento eu fico muito preocupada que seja alguma coisa. Adora o banho (manho) e a banheira (ma-ei-eia). Aprendeu duas cores, o vermelho (memelo) e o azul (aul, adul), embora eu não saiba se ele sabe bem o conceito de cor mas a verdade é que lhe comprei um boneco da patrulha pata que é azul e ele disse azul quando pegou nele e ei não disse nada, também apontou para as pintas do parque e disse vermelho na ponta vermelha e azul no nome da marca que é azul, sozinho sem perguntarmos nada, gosta de ver vídeos sobre cores e o dificil e que não veja noutras línguas, porque além de vaca chama muca à vaca por causa de um vídeo em italiano acho. Fala de uma maneira surreal, aprende novas palavras todos os dias, e sinto-me a rebentar de orgulho, repete-as mesmo logo à primeira, é um menino curioso, muito inteligente e extremamente cativante. Junta duas palavras: olá (mamã, papá, vovó, vuvu) e taqui a mamã/papá ou taqui a mama. Ontem disse apanha a bola, mas repetiu não como frase. Pede para ir à rua - gua - e também pede bolacha - malala - e pão diz perfeito. 

As minhas palavras preferidas são com L que diz muito bem: bola, colo, golo, balão (palão) e adoro o tatau porque pronuncia tataú (recebeu muitas gargalhadas a primeira vez então adora dizer). Também adoro carro que diz de forma perfeita. 

Adora música e continua um impaciente, mesmo filho de sua mãe, pede as músicas mas mal começamos a cantar pede outra (balão, mememe, papa, cacacão- dartacão).

Vê televisão e vídeos no youtube (que tentou pronunciar- youuuthhh), atrasei o mais que pude, mas não consegui evitar, e há um mês, desde as férias, que tem meia/uma hora de ecrans por dia, muitas vezes para comer. Não me recrimino por isso embora tivesse gostado de atrasar mais a introdução de ecrans na vida dele, até aos dois anos como o recomendado. Mas precisamos de ir a bancos, correios, comer rápido num shopping, e são os únicos momentos que temos, mesmo assim cansa-se e depois pede para andar e ver coisas novas e larga o ecran. Conhece os vídeos que gosta e pede por palavras e já sabe o que vai acontecer a seguir e antecipa (diz gato ou cão mesmo antes de aparecer no ecran).

Na avó come sempre muito bem e muito, connosco tanto come 15 dias super bem, como passa uma semana a fazer-nos suar. O segundo prato vai comendo, às vezes muito, às vezes pouco, vejo muitos meninos da mesma idade (nas redes sociais, de bloggers por exemplo) que comem a sério o segundo prato, eu sou uma maricas e prefiro que coma bem a sopa com a proteína e depois deixo-o explorar à vontade. Era tão fino e dizia quinoa, agora chama arroz a tudo menos ao esparguete.

Continua a dormir como sempre e ainda tenho muitas noites de despertar de meia em meia hora e ainda não tivemos tempo/força/energia/possibilidade de tentar tratar disto. Tudo o resto compensa, e o cansaço vai-se gerindo. 

Temos muita sorte. 

Ps: faz a coisa mais gira : adora uma música do avô cantigas - ah ah ah ah atchim -  como não sabe diz - ah ah ah atao 

Follow
24
Set18

Auto estima

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

dá um chuto na bola. Diz golo. Diz boa e bate palmas a si próprio . Nunca mudes meu amor. 

Follow
23
Set18

cadeira auto: o pesadelo

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Já escolhi a próxima cadeira auto sensivelmente 35 vezes. Todas as semanas pesquiso a mesma porra e todas as semanas quase faço uma decisão. 

Prioridades:

- Segurança; (+++)

- Pontuação em testes independentes (ADAC, RACE, DECO) - essencial;

- Comodidade de uso (neste momento dava mesmo muito jeito a rotação 360 porque o levamos a dormir de manhã, e sem o ovo tenho que o levar até à garagem no colo);

- Longevidade de uso;

- Preço.

Não imaginam a quantidade de cadeiras caras e de marcas reconhecidas que são insatisfatórias ou mesmo perigosas.

 

Não consigo escolher uma, o ovo dele dá até aos 13 kg e estamos longe disso, e na altura temos menor folga. 

O problema é que ainda não tem 9 kg o que me limita completamente a escolha. 

Andava entre escolher entre a Axissfix da Bebeconfort (maxi-cosi internacional) e a Sirona da Cybex. No entanto só dão até aos 4 anos, e não me estava a apetecer investir tanto por dois anos e meio de uso. 

Acho que estudei menos/ fiz menos pesquisa para algumas cadeiras da faculdade. 

Follow
21
Set18

a culpa é da mamã

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Ser mãe é abraçar o sentimento de culpa. Acaba por se tornar um velho amigo, com quem sabemos conviver no delicado equiílibrio de se ser pessoa, mulher, esposa, filha, irmã, profissional, amiga. Uma destas vertentes estará sempre em défice, perante o sentimento avassalador de se ser mãe. A dado momento sentimos sempre culpa, e nem sabemos bem porquê. Se podíamos fazer mais actividades didácticas com o bebé, se estamos cansadas e usamos papas de compra em vez de as fazer, ou puré de fruta em boião em vez de o fazer. 

Numa bela manhã o senhor meu namorado solta um flato bastante audível.

O bebé:

"mamã pu"

Ele ri-se, eu fico chocada. "não foi a mamã, foi o papá."

reitera: mamã, pu. 

 

Follow
18
Set18

Influencers ou influenciadas?

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Trago um assunto premente, um tópico da maior importância mundial. Já ando a pensar nisto há uns dias. 

 

As influencers influenciam ou são mais influenciadas do que querem influenciar?

 

Cada nova tendência é um imperativo, uma necessidade básica não importa qual seja. Chinelos de piscina, chinelos de piscina com plumas, óculos à barbie, colares de conchas, sapatilhas de basket ou pior, nem sei que nome dão a esta tendência de sapatilhas, não interessa muito se gostam ou não. Aliás até se convencem que adoram, e que vai usar imenso tempo. Se é altura de investir, quanto tempo de uso vão dar à peça. A influencer mor tirou uma chapa para o Instagram, e portanto está criada a necessidade na cadeia de influencers.

 

Claro que depois surgem as vendas privadas dos seus closets porque é preciso livrarem-se dos monos para dar espaço à nova tendência de consumo. Pior, compraram, tiram foto, tentam convencer os seguidores que aquilo é que é, vai-se usar imenso por imensos anos e depois da chapa, vão à loja devolver. Mais  sorte têm as grandes que essas peças são-lhes oferecidas e depois lucram com a sua venda, nada contra, aliás tudo a favor, se não houver quem compre deixa de haver quem venda, o mercado é livre. Acho que o público está a começar a acordar e ser mais crítico, e o mercado de influencers ou se adapta ou morre. 

Eu, pessoalmente tenho uma relação muito saudável com blogs e Instagrams, vejo como montras e até gosto de conhecer coisas novas e é raro deixar-me por estas modas esquisitas, coisa pouca, com peso e medida, não me interessa que todo o meu feed esteja repleto de chinelos de piscina, não me sinto nada tentada a comprar só porque se usa. 

Follow
17
Set18

ta-tau a rodos

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

 

(eu não lhe grito, como é óbvio)

Sinto que trocamos muitas vezes de papel. 

No parque: 

 

- "mamã"

 

- ...

 

- "mamã"

 

-... 

 

-"mãe"

 

- ... 

 

-"mãeeee"

 

- ... 

 

- "pipa" (não esta mas a alcunha que o pai me chama"

 

- ...

 

- "pipa" 

 

- ...

 

- "ta-tauuu"

Follow
17
Set18

vale mesmo muito a pena a leitura

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

"I’m a mother of six, and a Mormon. I have a good understanding of arguments surrounding abortion, religious and otherwise. I’ve been listening to men grandstand about women’s reproductive rights, and I’m convinced men actually have zero interest in stopping abortion. Here’s why…"

 

 

aqui

Follow

Pág. 1/2

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Também estou no facebook

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

subscrever feeds

Comentários recentes

As imagens apresentadas no blog são na sua maioria retiradas da internet, se as fotos lhe pertencem e/ou têm direitos de cedência de imagem, por favor envie um email que eu retiro. nervosomiudinho@sapo.pt