Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nervoso Miudinho

blog humorístico (esperemos) sobre tudo e mais frequentemente sobre nada

17
Abr19

Notre dame

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

também quero dizer duas a três coisas. 

 

Se os clérigos ardessem e custassem mais de 300 milhões a restaurar eu preferia que não se gastasse essa quantidade de dinheiro absurda. É a minha opinião. 

A catedral cobra entrada, portanto tem fundos próprios, faz parte da igreja católica, umas das instituições com mais dinheiro no mundo, sinceramente acho mal que já haja mais de um bilião prometido em doações.

também acho obsceno que duas famílias tenham 300 milhões para doar. Se o vai doar não lhe vai beliscar o património, duas famílias a ter PIB de países é muito mas muito mau na minha humilde opinião. E doar a um edifício, com outros tragédias no mundo, a tragédia de um edifício é triste, mas pá, é um edifício. E se nada os motivou a dar essa quantia porque dar agora. Alterações climáticas, crise energética, fome, doença, na escala de tudo isso, ainda que triste e património, é um edifício. Mas isto sou eu. 

Follow

7 comentários

Diz tu também de tua justiça

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Também estou no facebook

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Comentários recentes

As imagens apresentadas no blog são na sua maioria retiradas da internet, se as fotos lhe pertencem e/ou têm direitos de cedência de imagem, por favor envie um email que eu retiro. nervosomiudinho@sapo.pt