Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nervoso Miudinho

blog humorístico (esperemos) sobre tudo e mais frequentemente sobre nada

06
Jan16

Outra vez as tradições

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Já falei aqui no blog sobre o que penso acerca de tradições e como são o grande chapéu que querem à força que justifique o injustificável. Como se algo repetido à exaustão tornasse um comportamente justificável, só porque é força do hábito ou aspira a ser considerado cultura.

O que faz alguém ser completamente toldado no seu raciocínio mais básico, como se perde todo o bom senso para se perpetuar algo que instintivamente deveríamos saber ser errado.

O conhecimento está mais ao nosso dispor do que nunca, à distância de um clique do smartphone, o que ignorava há 50 anos agora não se pode alegar desconhecer. Sinto vergonha de tudo isto.

 

Crianças fumam no dia de Reis

"No dia da "Volta da Santa", era costume todas as pessoas das casas visitadas, incluindo crianças e jovens, fumarem cigarros."

Follow
19
Ago15

Touradas e outras barbáries

nervosomiudinho.blogs.sapo.pt

Tradições que ainda existem no mundo

  • Caça às bruxas (sim, ainda existem países no mundo que ainda queimam mulheres por alegadas bruxarias)
  • Escravatura, sim também ainda existe porque também ainda está enraizado em muitas culturas
  • Canibalismo
  • Sacrifícios humanos
  • Execuções públicas
  • Mutilação genital feminina
  • Casamentos arranjados
  • Sistemas de castas
  • Casamentos com menores, com irmãos, etc
  • Bound feet (o costume chinês de ligar os pés, deformando e partindo os ossos para ficarem com os pés pequenos)
  • Tourada
  • Queima do gato
  • Tortura e comer cães, yuli festival da China

 

Portanto, o argumento da tradição esgota-se por si próprio, é bacoco e nem diz nada de facto. 

 

Dependendo da civilização há costumes aceites ou não, cabe a cada um de nós como parte da sociedade com o máximo histórico de informação ao seu dispor de se actualizar e acabar com a dor causada entre nós e aos animais. Se mexe com o bolso de muita gente? Pois claro, quando há costumes há sempre um mercado para o satisfazer, mas nada se faz não mexendo nisso. Já se foi banindo muitos costumes e tradições, muito há ainda por fazer. Tenho a sorte de ter nascido em Portugal, poder estudar, votar, casar ou não com quem me apetecer. Cada vez que defendam a tradição por tradição, agradeçam ter nascido numa cultura que vos permita a vocês mulheres irem sozinhas a uma tourada e não se estarem a contorcer de dor por vos ter sido cortado o clítoris. 

Follow

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Também estou no facebook

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Comentários recentes

As imagens apresentadas no blog são na sua maioria retiradas da internet, se as fotos lhe pertencem e/ou têm direitos de cedência de imagem, por favor envie um email que eu retiro. nervosomiudinho@sapo.pt